No Happy Hour

– Vou pedir demissão.

– Por quê?

– Cansei, cara. Não suporto mais o meu chefe. Eu odeio ele! Sempre dizendo que gostaria de me ver chegando mais cedo, que deveria fazer horas extras… Cobra treinamento, mesa organizada, produtividade… Nunca está satisfeito. Outro dia, para agradar, fiquei fazendo hora-extra, e adivinha: soltou que eu deveria me esforçar mais para não precisar fazer! Cansei da perseguição, cansei da incoerência, do mau humor. Vou cair fora e abrir meu próprio negócio ou ser autônomo. E esta era a novidade que eu queria te contar.

– Nossa, grande mudança. Pensa só: você será seu próprio chefe, começará a trabalhar a hora que quiser até a hora em que bem entender. O mesmo com férias e com produtividade. Capacitação também será decisão só sua. Terá liberdade. Fico chateado porque vou perder um colega, mas feliz pela coragem do amigo. Um brinde, desejo que tenha sucesso nessa nova fase.

– Desisti da ideia.

– O quê, mas já?

– Sim. Prefiro odiar meu chefe a mim mesmo.

Publicado por Morrisson

Escritor e bancário.

Um comentário em “No Happy Hour

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: